JF Vôlei começa o jogo ansioso, se recupera, mas perde para o Minas em casa

* Informações e fotos: Mônica Cury/JF Vôlei

O jovem time de Juiz de Fora recebeu o vice-campeão mineiro no último sábado, 14, pela primeira rodada da Superliga 2017/2018. Com um início quase perfeito, o Minas encontrou um time guerreiro pela frente e sofreu para vencer por 3×1, com parciais de 11×25, 22×25, 26×24 e 21×25.

jfv x mtc torcida jf - monica cury

Em pleno feriado prolongado, público de 472 pessoas marcou presença na partida

O jogo era de Superliga, o maior campeonato de vôlei do país e um dos mais competitivos do mundo. Os adversários se conheciam bem, pois já haviam se enfrentado duas vezes pelo Campeonato Mineiro e cada um tinha uma vitória. Com toda essa carga, os meninos do JF Vôlei sentiram a ansiedade do início da partida. Cometeram erros seguidos e viram a experiência da equipe de Belo Horizonte, liderada pelo levantador Marlon, sobressair. Com um saque muito eficiente, o Minas conseguiu abrir seis pontos de vantagem ainda no início do set, fazendo 4×10. Percebendo o nervosismo dos garotos, o técnico Henrique Furtado gastou seus dois pedidos de tempo antes mesmo do time completar o quinto ponto. E, então, resolveu tirar o levantador Felipe e o oposto Emerson, que não havia treinado durante toda a semana. Entraram Adami e Raphael. A partir daí o set começou a ficar mais equilibrado, mas o Minas já estava bem à frente no placar, e terminou fechando em 11×25.

Sets eletrizantes

O segundo set também começou com o vice-campeão mineiro apresentando um volume de jogo muito intenso. O JF Vôlei tentava se encontrar na partida. Novamente o técnico Henrique Furtado fez duas alterações, colocando Adami e Raphael. Distribuindo melhor as jogadas, Adami conseguiu dificultar o trabalho de bloqueio adversário e o time da casa chegou ao empate, fazendo 19×19. Depois disso o jogo foi outro. Ponto a ponto sendo disputado. Poucos erros dos dois lados e ataques muito eficientes. De um lado Leozinho e Raphael, e do outro Roque e Bisset. Mas com um erro de saque do JF Vôlei, o Minas fechou o set em 22×25.

jfv x mtc 2 - monica cury

Segundo e terceiro sets mostraram a eficiência das duas equipes

Mas, nada estava decidido. Com o eletrizante fim do segundo set, o terceiro prometia muita adrenalina. E foi exatamente assim. A torcida sentiu o bom momento do JF Vôlei e empurrou ainda mais o time. Leozinho chamou a responsabilidade para si e apresentou um voleibol de alto nível, atacando com muita inteligência. Do outro lado, uma defesa que não deixava a bola cair. De volta ao JF Vôlei ainda nesta semana, o central Rômulo entrou no jogo. Já conhecido pela torcida, teve seu nome gritado e recebeu muito apoio vindo das arquibancadas. Logo de cara fez um ponto de bloqueio, e levou a galera à loucura. Mas o Minas também tinha sua torcida. Nascido em Juiz de Fora, o oposto Felipe Roque contou com o incentivo de familiares e fez uma partida espetacular, ganhando, inclusive, o prêmio de melhor jogador em quadra. Ainda sim,Leozinho acabou levando os donos da casa a fechar o set em 26×24.

Destaques e próximas disputas

No quarto set a história foi parecida, porém, terminando com uma vitória dos visitantes. Raphael, improvisado na posição de oposto, cometeu alguns erros decisivos no ataque e foi substituído pelo venezuelano Emerson. O Minas conseguiu vencer por 21×25 e conquistou uma importante vitória fora de casa em sua estreia na Superliga. O maior pontuador da partida foi o ponteiro Leozinho, com 30 pontos. Felipe Roque, que ganhou o troféu VivaVôlei CIMED, foi o melhor do Minas e fez 21 pontos.

Seguindo o calendário da Superliga, o próximo jogo do JF Vôlei vai ser fora de casa, dia 21, contra o Montes Claros, com transmissão pelo canal SporTV, a partir de 11h. O time juiz-forano volta a se apresentar em casa novamente no dia 28, diante do Vôlei Renata, de Campinas (SP), e conta com o apoio da torcida para fazer bonito em quadra.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *