ARTIGO: Vantagens e desvantagens de cada estilo de corrida

Com a temporada de treinos para as corridas em alta, todas as preparações e dicas são válidas. Um recente estudo apontou que cada corredor tem, sim, sua forma de correr com vantagem baseado em seu passo. Pesquisadores na Europa, mais precisamente na Finlândia, e nos Estados Unidos, em New Hampshire, decidiram observar o desempenho de atletas em grandes maratonas e corridas.
A pesquisa da revista The Internacional Journal of Sports Physiology and Performance testou quase dois mil corredores que participaram de uma edição recente da maratona Milwaukee Lakefront Marathon. Eles foram filmados na metade do percurso e tiveram a passada analisada. Cerca de 94% das pessoas demonstraram pisar antes com os calcanhares, incluindo vários dos corredores mais rápidos – o que pode ser prejudicial na questão do rendimento.

A forma mais inerente para o ser humano seria pisar com a parte da frente do pé – exatamente o que aconteceu com as mulheres testadas. Elas pisaram primeiro com a parte da frente do pé e acabaram não ficando imunes à força exercida pelo movimento, que era absorvida de outra forma, com mais força, passando por calcanhares e tendões de Aquiles.
Pisar com o calcanhar fará você forçar os joelhos, levando possivelmente a condições como a síndrome da dor patelofemoral. Pisar com a parte da frente do pé irá forçar o calcanhar e o tendão de Aquiles, aumentando a possibilidade de lesões como tendinopatia de Aquiles.
Mudar a passada não é uma tarefa fácil, porém, com bastante treino, é possível. Não existe uma forma 100% correta para corredores. A passada perfeita para você é aquela em que se consegue manter um ritmo regular durante a corrida. Outra grande dica é se exercitar bastante, se alongar e sempre manter o corpo em movimento para um melhor preparo e, logo, uma melhor corrida.
O importante é sempre procurar um profissional e se exercitar com qualidade. Bora treinar e praticar saúde!
Pedro Paulo Duarte
profissional de educação física
CREF: 008002-G/MG

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *