Atletas da região pegam pódio no XTerra Estrada Real

* Priscila Oliveira ; Foto de capa: Thiago Lemos

xterra-dutahlon-marcelo-manoel-no-podio-pessoal

Marcelo Manoel estreou no topo do pódio do Duathlon em Tiradentes (Foto: arquivo pessoal)

Milhares de atletas de todo o Brasil tiraram o último final de semana para se aventurar em mais uma edição do XTerra Estrada Real, na cidade histórica de Tiradentes, no Campo das Vertentes mineiro. Além de alcançarem seus objetivos, melhorando suas marcas ou (por que não) completando suas modalidades pela primeira vez, muitos deles ainda alcançaram os tão cobiçados pódios da etapa, com destaque para os representantes da região. Pelas redes sociais, esportistas de várias modalidades comemoraram seus feitos.

Duathlon Elite e Revezamento

No Duathlon Elite, Marcelo Manoel (Apuã Vertical/Bigorna Bike), de Lambari, no Sul de Minas, chegou ao topo da classificação pela primeira vez, com o tempo de 02h29min. “Primeiramente gostaria de agradecer a Deus por tudo e a todos que, de certa forma, contribuíram para que eu pudesse participar desse evento. Meu muito obrigado! Dedico essa vitória a vocês, amigos, familiares, apoiadores e patrocinadores, pois foi com o apoio de todos que consegui alcançar o lugar mais alto do pódio, que vinha tentando há três anos”, destacou. O circuito era formado por 3,2km de trail run + 32,7km de MTB + 9,3km de trail run.

xterra-duathlon-revezamento-antonio-e-jocemar-no-podio-pessoal-fabio-acauhi

Marcos André Manoel e Jocemar Corrêa venceram o Duathlon Revezamento, enquanto Cleber Landim e Antônio Gonçalves foram os vice-campeões (Foto: arquivo pessoal/Fábio Acauhi)

Entre as duplas do Revezamento, Marcos André Manoel (irmão de Marcelo Manoel, campeão do Duathlon Elite) e Jocemar Corrêa, que representaram a equipe Apuã Vertical, foram os grandes campeões do trajeto, concluindo a prova em 02h33min. “Estou muito feliz! Tive oportunidade de participar do Duathlon XTerra Tiradentes. Enquanto corri, o Marcos pedalou. Foi uma prova muito forte e dura, mas recompensadora. Fomos campeões da categoria, cumprimos nossos objetivos. Obrigado àqueles que nos incentivaram no momento da prova e muito obrigado a todos aqueles que tem me apoiado durante este ano”, agradeceu o juiz-forano Jocemar.

Em segundo lugar, com muito orgulho, ficaram os colegas de equipe Cleber Landim e Antônio Gonçalves (02h40m). “Primeira prova do dia concluída. Prova dura, mas fomos 2º lugar geral. À noite fui para os 21km… Liderando a prova no Km15, simplesmente ‘apaguei’ e não vi nada. Ao passar alguns minutos, acordei e fui socorrido. Graças a Deus ficou tudo bem”, relatou Gonçalves, da cidade de Piau.

xterra-half-night-run-debora-no-podio-pessoal

Débora Santos faturou o título do Half Trail Run pela segunda vez (Foto: arquivo pessoal)

Bicampeã do Half Night Run

Para a juiz-forana Débora Santos (TriRunner), alcançar o primeiro lugar na ‘meia maratona’ noturna pela cidade histórica não foi nenhuma novidade, já que chegou ao seu segundo título na disputa do Half Night Run – dessa vez com o tempo de 02h12min. “Foi ótimo. Percurso com algumas mudanças (todo ano a organização faz isso), aumentando a quilometragem anunciada antes. Acabou sendo 22,3km. Muito morro, trilha, menos retas e planos que no ano passado. Mas, consegui imprimir um ritmo forte e permanecer nele. Errei o percurso, entrando numa rua errada, porém, graças a Deus, percebi rápido e voltei para a estrada principal. Se não fosse isso, teria chegado com uma folga de dois minutos da segunda colocada. Mas, deu tudo certo”.

xterra-mtb-cup-pro-elite-roberta-no-podio-pessoal-jamile-lamha

Pelo quarto ano consecutivo, Roberta Stopa foi premiada entre as ‘bikers’ na cidade histórica (Foto: arquivo pessoal/Jamile Lamha)

MTB Cup Pro

Já no MTB Cup Pro Elite (42,4K), a embaixadora da modalidade, Roberta Stopa (No Limits Team), de Juiz de Fora, também garantiu sua vaga na premiação geral da categoria feminina, concluindo o percurso de 42,4K em 02h36min. “Feliz com o resultado. Depois de três vitorias consecutivas nessa etapa e, mesmo com alguns problemas este ano, consegui subir em 3º lugar. Fico feliz também de fazer parte dessa ‘família TERRA’. Agora é focar na prova mais dura e desafiadora do ano: a Brasil Ride, com 600km e 7 dias nas terras baianas”, antecipou a atleta e treinadora.

Outras modalidades e Camp JF

Além do Duathlon, Half Night Run e MTB Cup Pro, a edição Estrada Real ainda contou com as modalidades Short Night Run (9,7K), Endurance 50K, MTB Cup Sport (34,3K), Enduro e Kids Mini Corrida.  A próxima etapa do circuito na região está marcada para os dias 12 e 13 de novembro, com a realização do XTerra Camp Juiz de Fora, que encerra a temporada da competição novamente.

Clique AQUI para conferir todos os resultados do XTerra Estrada Real 2016.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *