CAMILO DOS SANTOS 2016: Resultados, desafio e muita satisfação entre todos os envolvidos

* Priscila Oliveira ; Foto de capa: Hugo Keyler

Um final de semana inteiro de atividades para todos os gostos e idades. A programação da 6ª Corrida de Rua Rodoviário Camilo dos Santos, válida como décima etapa do Ranking de Juiz de Fora, começou na manhã de ontem (17), com o tão aguardado Desafio das Equipes. Com provas de agitar, congregar e estimular os participantes a superar os próprios limites, onze assessorias da cidade se reuniram num super circuito, que contou com provas de força, agilidade, coordenação motora, entre outras estratégias. Durante a tarde, cerca de trezentas crianças se divertiram em percursos especialmente definidos por faixa etária. Já neste domingo (18), a atração principal foram 8,8km de corrida e 4,5km de caminhada pelo entorno do Estádio Municipal Radialista Mário Helênio – local onde foram concentradas todas as atividades do evento.

eduardo-e-staff

Eduardo Santos (à direita e abaixo) com parte da equipe de ‘staffs’ do evento deste ano (Foto: Hugo Keyler)

Objetivo: incentivar o esporte sempre

Segundo o presidente do Grupo Camilo dos Santos, Eduardo Santos, a principal satisfação é sempre ver os participantes satisfeitos com a Corrida. Este ano, aproximadamente 1800 pessoas participaram dessa sempre tão tradicional e esperada disputa do calendário de rústicas da região. “Minha avaliação é muito positiva. Correu tudo bem nos três ‘eventos’ que fizemos e o número de atletas envolvidos em toda a programação foi excelente. A corrida infantil foi emocionante, super bacana. Vamos trabalhar para aumentar a quantidade de crianças – foram cinquenta inscrições pagas e mais de duzentas doadas a projetos sociais. Tem que ser assim: quem puder paga; quem não puder, o organizador tem que doar mesmo, como maneira de incentivar as crianças ao esporte”, enfatizou.

Para ele, a corrida e caminhada adultas completaram essa festa do esporte com louvor. “Graças a Deus, foram excelentes. Um dia lindo, bacana e que não choveu. Foi muito bom ver o pessoal correndo alegre, brincando… Isso é que motiva a gente nessa organização. O esporte como inclusão é muito bacana e a corrida, mais ainda. Ela não tem classe, não tem cor, não tem idade, não tem nenhuma barreira. Ficamos muito empolgados. Fazemos esse evento com o coração”.

dsc_0404

Todos pela Inclusão/ALAE: segundo título no Desafio das Equipes (Foto: Hugo Keyler)

Bicampeã em inclusão, simpatia e superação

Estimulada a se tornar um grupo de corrida logo após ganhar o Desafio das Equipes em 2014, a Associação de Livre Apoio aos Excepcionais (ALAE) voltou a mostrar para todo mundo que a ‘inclusão’ é a melhor forma para ultrapassar qualquer obstáculo. Dessa vez, a equipe Todos pela Inclusão/ALAE subiu ao pódio como bicampeã, e com muito orgulho. “Participar desse evento é uma honra para nós, porque a equipe surgiu da nossa vitória na primeira edição. Voltar e defender o título, enquanto assessoria esportiva, foi uma responsabilidade maior por causa do compromisso de marcarmos uma presença boa. Mas, nossa principal busca foi por articular a instituição e mobilizar as pessoas com deficiência para estarem inseridas no Desafio. Eles quem organizaram a torcida, montaram os cartazes… Nosso maior objetivo era colocá-los ativos dentro do evento, e conseguimos. Como brinde, ainda vencemos. Associando as duas coisas, foi um dia muito especial”, destacou o treinador da equipe, Fábio Antunes.

As equipes VidAtiva e Tri Runner ficaram com as respectivas segunda e terceira colocações. Na oportunidade, também foram homenageados os ‘veteranos’ corredores Neuza Marsicano (Tri Runner) e Jeová Gomes Andrade (ASE), pelos anos de dedicação às corridas de rua.

dsc_0347

Glenison Gilbert Duarte, de São João del-Rei, faturou o título principal da disputa (Foto: Hugo Keyler)

Pódios gerais e por equipes

Na prova principal, a corrida de rua em si, Glenison Gilbert de Carvalho veio diretamente de São João del-Rei para representar a equipe Vem Correr e cravar seu nome na história da prova. Ele foi o grande campeão do percurso, cruzando a linha de chegada em 25min33s. “Foi minha primeira vez na prova. O objetivo era competir, mas sem esperar por esse resultado, porque os atletas daqui são muito fortes, são grandes corredores. Foi complicado correr debaixo de um sol tão quente, mas todos tivemos que lutar contra ele e entre nós mesmos”, brincou. Eberth Silva (VidAtiva/Fripai/ Skechers), Robison Gomes (Vem Correr), Jocemar Corrêa (Viva Chacarense) e Anderson Lucas de Souza (Vem Correr) foram premiados do segundo ao quinto lugares masculinos, consecutivamente.

dsc_0343

Amanda Oliveira, de Mercês, conquistou vitória inédita na prova (Foto: Hugo Keyler)

Já no feminino, Amanda Oliveira (Fac. Granbery/Ed. Física) conquistou o título na competição da Camilo dos Santos pela primeira vez. “Ter feito outras provas perto do estádio, onde já venci outras corridas, me trouxe muita confiança, principalmente pela organização do evento, que foi muito boa e com um kit muito bom. Consegui fazer um tempo espetacular: 31min53s. Fiz uma corrida muito boa, me senti bem solta e consegui manter meu ritmo em relação a outras disputas, como em uma competição no Espírito Santo semana passada, a Corrida da Padroeira (5,3km), onde fui vice-campeã com um ‘pace’ de 3:40min/km”. Para ela, driblar o forte sol que fez pela manhã também foi um desafio. “Estava bem quente. O percurso ainda tinha alguns morros, mas o importante é que consegui ir muito bem e os treinos que venho fazendo tem melhorado muito meus resultados”, concluiu. Completaram a classificação Ivaniz Ribeiro (Viva Chacarense, 2º), Claudete Nunes (R21 Sports/Pódio das Frutas, 3º), Aline Braga (Gemacom Tech/Tate Lyle, 4º) e Talita Antunes (VidAtiva).

Por equipes, vitória de Vem Correr (545 pontos), seguida de R21 Sports/Pódio das Frutas (387, 2º) e Viva Chacarense (275, 3º) nas masculinas, enquanto Viva Chacarense (368 pontos) deixou na segunda e terceira posições VidAtiva (289) e Fac. Granbery/Ed. Física (248) nas femininas. Entre as Pessoas com Deficiência (PCD), os títulos ficaram com ACJF/JF Paralímpico no masculino e feminino.

CLIQUE AQUI para conferir os resultados da 6ª Corrida de Rua Rodoviário Camilo dos Santos. 

* Qualquer dúvida sobre classificação deve ser enviada diretamente para o e-mail da Secretaria de Esporte e Lazer: rankingdecorridasjf@yahoo.com.br.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *