COPA RIO DE CICLISMO: Juizforanos estão prontos para encarar speed estrada em Conservatória

Emerson Santos, André Novaes, Renato Campos e Roberta Stopa são alguns representantes locais na disputa, que pode definir campeões já na quarta e penúltima etapa deste ano

Etapa de abertura foi em Três Rios, em fevereiro (Foto: Hugo Keyler)

Etapa de abertura foi em Três Rios, em fevereiro (Foto: Hugo Keyler)

O speed da Copa Rio de Janeiro de Ciclismo 2014 chega à sua quarta etapa neste domingo, 08, reunindo centenas de feras da modalidade entre estradas cercadas por fazendas de café, cachoeiras, vales e muitas belezas naturais do distrito de Conservatória, em Valença, na região Sul Fluminense. Conhecido pela tradição das serestas e palco do Desafio Tour do Rio no ano passado e no próximo dia 17 de agosto, é nesse local que um grupo de bikers de Juiz de Fora (MG) pretende confirmar o favoritismo em algumas categorias e correr em alta velocidade pela vitória antecipada no campeonato, que termina no dia 20 de julho, em Itaipava. Apesar do circuito ser formado por três percursos, eles encaram distâncias de 92,8km (Elite) ou 80,6km (demais categorias, exceto Veteranos).

Companheiros de Elite

Integrantes da Equipe UFF de Ciclismo, os atletas Felipe Marques e Emerson Santos aparecem na quarta e quinta colocações da categoria Elite Masculino, com 126 e 111 pontos, respectivamente, na última atualização do Rankingpela Federação de Ciclismo do Estado do Rio de Janeiro (Fecierj). Mesmo com boas marcas pessoais, a intenção dos “quase conterrâneos” (já que Emerson é natural de Juazeiro – BA, mas se considera “juizforano de coração”) é manter o ritmo de treinos para fazer o melhor que puderem, tanto individualmente quanto por equipes.

Felipe Marques e Emerson Santos (Foto: Ronan Corrêa)

Felipe Marques e Emerson Santos (Foto: Ronan Corrêa)

“Eu e minha equipe ainda não traçamos nenhuma estratégia, mas vamos decidir o que fazer sábado (07). Espero ter um bom resultado. Sei que é uma prova bastante dura, com muitas montanhas, mas treinei para isso. A última etapa também é de montanha, e vou continuar focado, treinando para obter um bom resultado lá também. Se for da vontade de Deus, tudo vai dar certo”, afirma o baiano.

O colega revela a parceria entre eles e a disputa com outros ciclistas. “Fiz meu último treino forte na manhã de ontem (04) e agora vou fazer treinos com baixa intensidade para chegar na prova 100%. Treino diariamente com o Emerson e ele está bem fisicamente. Vamos tentar fazer uma boa prova, visando ganhar a Copa Rio. Sei que não será fácil, pois, com a vinda de equipes da região e de São Paulo, o nível está cada vez mais alto, e isso é bom para o progresso do ciclismo. Mas também tenho certeza que muitos juizforanos estarão entre os primeiros em diversas categorias”, antecipa Marques.

André Novaes (Foto: Bike Fotos)

André Novaes (Foto: Bike Fotos)

Quase tri

Bi-campeão na Copa Rio pelos anos de 2012 (Master A geral) e 2013 (Master B1), André Novaes (A N Cicling) lidera a Master B1 novamente, com 218 pontos, e segue em busca do bi na categoria e do terceiro título no campeonato. “Tenho grande chance de ser campeão nessa quarta etapa, mas depende dos adversários. Largar como favorito faz com que eu seja muito marcado, então, tenho que ser bem estratégico, marcar e tentar escapar de quem está na disputa comigo. De repente, nem preciso vencer para ser campeão, mas vou para ganhar. Estou muito bem treinado”.

Giulio Caruso, Cléber Santiago e Renato Campos (Foto: Hugo Keyler)

Giulio Caruso, Cléber Santiago e Renato Campos (Foto: Hugo Keyler)

Masters e Opem

Pela Master A quem defende o título é o ciclista Renato Campos (ERT / Ícone Imóveis), segundo colocado, com 224 pontos.

“A coisa não está boa. Fiz dois segundos e um primeiro, só que o Lucas Dantas, um grande ciclista, ganhou de mim nas duas primeiras e fez segundo na que eu venci. Conservatória é um prova de estrada com muitas subidas, onde a resistência vai falar mais alto. Venho de uma sequência boa de treinos e meu objetivo na prova é marcar forte os ciclistas que estão marcando ponto, para tentar ser campeão”.

Na Master A, Cléber Santiago (HCC / Coleta e Cia. / ERT Uniformes) não entra na disputa pelo título, mas está confiante. “Não estou acompanhando o ranking, porque era da Open e mudei de categoria. Estou na Copa por gostar das provas. Em Conservatória, me preocupo com as descidas, que são muito perigosas. Mesmo assim, meu objetivo é subir ao pódio”.

Na categoria Open, voltada para atletas não federados, Giulio Caruso (ERT / Banca Pioneira) é outro que também pode ter a comemoração antecipada. “Estou com duas vitórias e um terceiro. Se pontuar, já sou campeão. Estou bem confiante”.

Roberta Stopa (Foto: Allison Ferrarezi)

Roberta Stopa (Foto: Allison Ferrarezi)

Do MTB para o speed estrada

Acostumada a premiações em provas nacionais e internacionais de mountain bike, a atleta Roberta Stopa (Damatta / Dabomb / X-Fusion) aproveita uma folga no calendário competitivo para representar a cidade na Elite Feminina do speed estrada. “Fui atleta da equipe A Tribuna Unilus, primeira exclusivamente feminina, e a Copa Rio estava nos meus planos há algum tempo. Chegou a hora de fazer parte dessa festa. Sempre que entro numa disputa, seja ela qual for, busco o lugar mais alto do pódio. Preciso ganhar cada vez mais experiência, ritmo de prova, performance e resistência, e essas etapas de ciclismo vão me ajudar muito, já que minhas metas são o Campeonato Brasileiro de XCO, em julho, e estar no Rio 2016, representando meu país na minha modalidade, o cross country”, encerra.

JF em peso

Além desses nomes, ciclistas como Cléber Guedes (Master C1), Dinartt Fagundes (Master B1), João Batista Rodrigues Mário (Master A2), José Francisco Serdeira (Master C1) e Waguinho América (Open) também devem representar Juiz de Fora na quarta e penúltima etapa da Copa Rio de Janeiro de Ciclismo 2014.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *