Corredores de Barbacena escolhem Uruguai para estrear em provas internacionais

* Priscila Oliveira ; Fotos: arquivo pessoal

Considerada o balneário mais luxuoso da América do Sul, a cidade de Punta del Este, no Uruguai, deve reunir mais de 6 mil corredores neste domingo, 10. Com o slogan “A distância reina na cidade mais linda”, a décima edição da Maratona Internacional de Punta del Este vai contar não só com a tradicional prova de 42km, mas com trajetos 21km, 10km e 5km. Entre os atletas inscritos estão três representantes de Barbacena, a “Cidade das Rosas” mineira. Eles vestem a camisa da equipe Calango Runners e prometem aproveitar bastante os desafios escolhidos.

1504650175628246

Otávio Mourão e Ana Lima vão encarar 21km em Punta del Este

Meia maratonistas

Aos 39 anos anos, Otávio Mourão se orgulha por já ter completado três meias maratonas e se prepara para cumprir mais uma, com um detalhe especial: seu primeiro percurso fora do Brasil. “Minha motivação é disputar comigo mesmo, para melhorar cada vez mais meu desempenho. Minha meta é completar bem a prova e começar a me preparar para os próximos desafios que estão por vir, ainda este ano”, antecipa.

Quem também pretende fazer bonito em solo estrangeiro e nos 21km é a corredora Ana Lima, de 48 anos. “Fiz minha primeira meia maratona no Rio, ano passado, e essa vai ser minha primeira experiência internacional. “Tenho curiosidade de saber, conhecer e sentir o gostinho de correr em outras terras, outros ares, atmosferas, e poder desfrutar desse momento trazendo comigo uma nova experiência”.

punta del este - jacq assis - pessoal

Para Jacqueline Assis, desafio de 10km é opção para conciliar outros esportes

Acometida recentemente por uma torção, ela segue firme na certeza de que vai fazer o melhor possível, porém, sem levar o corpo à exaustão. “Minha meta é apenas correr, tentando dar o meu melhor. Infelizmente, não vai ser muito, pois não posso forçar tanto. Passei minhas férias praticamente à base de gelo, então, não consegui treinar depois e, por conta disso, não vou poder abusar. Mas, vou seguir minha viagem disposta a dar o meu melhor, porém, com cautela”, pondera.

Corredora e montanhista

Já para Jacqueline Assis, a escolha por correr 10km tem um fundamento muito importante. “Não gosto de fazer longas distâncias para evitar lesões, já que tenho 46 anos e pratico outros esportes, como o montanhismo. Prefiro correr ‘menos’ para correr por mais anos. Nunca corri no exterior, mas gosto muito da energia das corridas, do ambiente de alegria e saúde. Gostaria de sentir como é fora daqui”.

O objetivo dela também está definido. “Quero completar a corrida aproveitando a paisagem do percurso, que é bem bonita, inclusive passando por pontos turísticos”, encerra.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *