Corredores de rua, montanha e triatletas da região comemoram resultados

* Priscila Oliveira

O último final de semana foi de comemoração e confraternização para atletas de toda a região em várias modalidades. O domingo, 01, em Juiz de Fora, foi marcado por mais uma edição da Corrida da Paz, que reuniu centenas de participantes, em sua maioria militares, num percurso de 4km, com largada e chegada na 4ª Brigada de Infantaria Leve, no bairro Mariano Procópio. Simultaneamente, em Ponte Nova, na Zona da Mata, a XXI Corrida e II Caminhada de São Sebastião premiou dois grandes nomes do Ranking de Corridas da cidade: Eberth Silva (Vidativa/ Fripai/ Pop Kids/ Fullife/ Camilo dos Santos) e Jocemar Corrêa (Vidativa/ Duduxo/Client).

No mesmo dia, porém, no estado do Espírito Santo, o casal de triatletas juiz-foranos Cláudia Scaldini e Thiago Alvim, ambos da Vidativa, foram destaques no Tritanium Triathlon, em Guarapari. A lista de bons resultados começou na primeira etapa da corrida de montanha AP Trail Run, a cada vez mais tradicional APTR, sábado, 28.

IMG_0625

Corrida da Paz em Juiz de Fora (Foto: Priscila Oliveira)

Confraternização mundial

Realizada ao mesmo tempo em várias partes do mundo e movimentando, inclusive, diversas capitais brasileiras, a Corrida da Paz começou a ser realizada em Juiz de Fora desde que foi fundada. “Em 18 de fevereiro de 2006 foi criada essa corrida, pelo Conselho Internacional do Esporte Mundial (CISM), na França. A partir daí, todo ano comemora-se a Corrida da Paz, como uma integração das forças armadas dos países que aceitaram o convite. Todas as unidades de Juiz de Fora, assim como do país inteiro, comemoram essa atividade. É sempre bom poder se reunir, principalmente num evento que é tão importante”, declarou o Tenente André Luiz Marinho, um dos responsáveis pela edição local do evento.

Pela terceira vez

Atual campeão do Ranking de Juiz de Fora, Eberth Silva voltou a subir no pódio acompanhado do colega de equipe e também campeão das rústicas locais Jocemar Corrêa. Após 6,2km de prova, o pachequense ficou com o 3º lugar, enquanto o juiz-forano chegou em 5º. Com esse resultado, Eberth chegou à marca de três pódios consecutivos na prova: um 4º lugar em 2013, um 3º em 2014 e um 3º este ano. “Gosto de competir, me sinto muito bem. Resolvi fazer esse teste de última hora, para ver como eu estava. Foi uma prova com alto nível técnico dos adversários, mas foi muito legal conseguir um ótimo resultado. Agora pretendo me recuperar esta semana e ver alguma prova no final do mês, talvez alguma de pista, dependendo do que meu treinador achar melhor”, ponderou.

corrida de ponte nova eberth e jocemar no pódio - pessoal paulo sergio araújo

Jocemar Corrêa (vermelho) e Eberth Silva (preto) lado a lado no pódio geral masculino (Foto: arquivo pessoal / Paulo Sérgio Araújo)

Equipes representadas

Por faixa etária, várias equipes da região também tiveram o que comemorar, começando pela Jaguar, de Rio Novo, muito bem representada por Rogério da Costa Filho, Almir Pereira de Souza, Cláudio Lamas, Fabiano Silvério Dias, Reinaldo Simplício, Marco Antônio Cruz Costa, José Amâncio Mendes, Carlos Alexandre Vigato, Luiz Felipe Ferreira Oliveira, Lucas Moreira de Souza e Gilson Sutana de Souza Junior. Já direto de Cataguases, a boa atuação da Acorca ficou por conta dos corredores Jorge Antônio de Souza, Waltecir Lobo, João Carlos Serapião Costa, José Antônio Rodrigues e João Batista Ferreira de Souza. Muriaé garantiu seu espaço com Rafael Martins Garcia, da Muriaé Runner, enquanto Guarani marcou presença com João Paulo de Oliveira Neves.

Juiz de Fora também foi defendida por Jhonathan Elias e Hugo Saporetti Neto, da SaúdePerformance; Ederson Santana Soares e Moysés Abreu Soares, da Polícia Militar; além de Adilson Aparecido (Inspire), Paulo Sérgio Araújo (Pró-Vida Natural) e Fábio Acauhi (Acauhi Running Team). Já a equipe ACORLAF, de Conselheiro Lafaiete, na região metropolitana de Belo Horizonte, foi uma das mais numerosas, graças à participação de Jefferson de Souza Correia, André Luiz Correa, Frank Augusto Lana Neto, Mauro Lúcio Zebrão, Ademar Clementino Batista, João Lucas de O. Neto, Silvano Lucas de Oliveira, José Eustáquio Romano, Cláudio M. de Melo, Jair de Sousa, José L. Almeida (Machado), Márcio José de Faria, Flávio Juliano, Paulo Domingos Borges, Wesley de Assis Gomes e Eduardo Soares de Carvalho.

Na classificação feminina, as lafaietenses também estiveram em alta com Joelma S. Silva Barbosa, Adriana das Dores Silva, Maria Efigênia Magalhães, Andrezza de Oliveira Almeida, Marta Silveira Miranda, Geralda Eustáquia Peixoto, Edmirdes de Oliveira Corrêa e Roselane das Graças Barbosa.

Clique AQUI para conferir a classificação geral da corrida em Ponte Nova. 

DSC_0159

Cláudia Scaldini tem se preparado intensamente para o desafio em Florianópolis, em maio (Foto: Hugo Keyler)

Rumo ao Ironman

Triatleta que vem ganhando cada vez mais destaque no cenário nacional, a juiz-forana Cláudia Scaldini (Vidativa) fez bonito novamente, sagrando-se a grande campeã da prova feminina do Tritanium Triatlhon. Ao todo, a prova reuniu cerca de 240 participantes numa competição com distâncias de 1,9km de natação, 90km de ciclismo e 21km de corrida. “Essa prova já estava no meu calendário desde janeiro, porque era praticamente no meio do treinamento para o Ironman Florianópolis (SC). Não esperava ganhar, até porque, não é o tipo de prova que estou acostumada a fazer, e lá foi bem duro, porque a gente pegou um tempo ruim. Estava muito ‘batido’, o pedal foi na Rodovia do Sol, um local que já é difícil pela quantidade de vento e, para piorar, ainda choveu na hora da prova. Mas, fiquei feliz demais com o resultado. Foi bom porque testei várias coisas, desde frequência cardíaca até a alimentação que vou usar, o que vou beber e o que vou comer durante a prova. Valeu demais ter ido”, se alegrou.

Ela também comemorou o resultado do triatleta, conterrâneo, companheiro de equipe e namorado Thiago Alvim na disputa capixaba. “Ele arrebentou, ficou entre os top dez da prova. Fez tudo muito bem: correu, nadou, pedalou… Conseguia vê-lo durante o percurso, porque a gente deu duas voltas no circuito da bicicleta e uma volta no da corrida. Via os caras profissionais e, logo atrás, estava o pelotão do Thiago. Ele é muito dedicado, forte e tem apenas um ano de treino”. Novamente como treinamento, Cláudia prevê uma participação no Circuito Rei e Rainha do Mar, no final deste mês, e, em abril, a etapa de Paraty (RJ) do XTerra – onde foi a terceira colocada geral da modalidade entre as mulheres em 2014.

Clique AQUI para acessar os resultados oficiais do Tritanium Triathlon Guarapari – ES.

aptr valença volta lincoln, leonardo, rodrigo e chicanele - pessoal chica

Lincoln Roque, os irmãos Leonardo e Rodrigo Dornellas, e Evandro Chicanele (Foto: arquivo pessoal / Evandro Chicanele)

Em alta na APTR

Já na APTR Valença (RJ), os representantes de Juiz de Fora estiveram em alta nas suas respectivas categorias. Evandro Chicanele (Inspire) foi 11º colocado geral e 5º na faixa 30-39 dos 25km. O “conterrâneo” Lincoln Roque terminou a prova longa como 23º geral. Leonardo Dornellas (Inspire) conquistou a 13ª colocação geral dos 12km e o 4º lugar entre os atletas de 30 a 39 anos, enquanto seu irmão, Rodrigo Dornellas, estreou na competição e em disputas trail run na 3ª posição geral do percurso de 6km.

“Prova dura, com uma subida bem extensa, mas muito bem organizada, com trajetos bem sinalizados, percurso mais de estrada de chão batido, postos de hidratação. Tudo perfeito. Em termos de avaliação dos treinos que tenho feito, tenho muito para evoluir ainda, mas o ano começou bem”, encerrou Chicanele.

* Até o fechamento desta matéria, os resultados oficiais da etapa de abertura da AP Trail Run ainda não haviam sido divulgados.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *