Atletas de elite da cidade fazem bonito na CIMTB

* Priscila Oliveira; Foto de capa: arquivo pessoal / Daniel Grossi

cimtb daniel grossi

Daniel Grossi no circuito em Araxá (Foto: Divulgação)

Atletas de Elite do circuito nacional, os juiz-foranos Daniel Grossi (Groove Bikes/ ChaoYang/ Shimano Brasil/ Mr. Tugas/ ASW/ Vigor Academia) e Roberta Stopa (No Limits/ Cly Componentes/ X-Fusion/ Brou Aventuras Team/ Bossi Treinamentos) fizeram bonito na etapa de abertura da Copa Internacional de Mountain Bike 2016, (CIMTB), em Araxá, no último final de semana. O evento, que chega ao vigésimo ano de realização, é considerado a maior competição sul-americana da modalidade.

Melhorar resultados

 Às vésperas de completar 27 anos, no próximo dia 20, Grossi chegou ao 8º lugar geral da Super Elite Masculina, se sentindo satisfeito. “Foi um resultado muito bom. Estou muito feliz. Tenho alguns objetivos traçados para este ano, sempre em busca de melhorar meus resultados da temporada anterior. A prova estava com um excelente nível e contava com muitos atletas e estrangeiros. Treinei muito para essa corrida, de forma específica, e com muita disciplina. Estou feliz em ter atingido essa marca importante na minha carreira”, salientou.

Pelas redes sociais, ele ainda agradeceu ao apoio que recebeu no circuito. “Após três dias intensos de competições, estou muito feliz em terminar com o oitavo lugar geral. Obrigado aos meus patrocinadores, minha namorada Isa (Isabella Lacerda, 7ª colocada geral na categoria feminina), minha família e meu treinador. Também não poderia deixar de agradecer a todos os amigos que torceram e gritaram meu nome durante as voltas. Muito obrigado”.

cimtb roberta no circuito - arq pessoal fernanda orieto

Roberta Stopa em seu 18º ano de CIMTB (Foto: arquivo pessoal / Fernanda Prieto)

Veterana da CIMTB

Presente em dezoito das 20 edições da CIMTB, Stopa considera ter vivido uma ‘nova e diferente emoção’, como, para ela, acontece a cada ano. “O ritmo foi alucinante e o nível está cada vez mais alto, com a presença de muitas atletas estrangeiras em busca de pontos para a vaga olímpica. No primeiro dia, fiquei em 14º lugar; no segundo, em 12º; o que me colocou em 11º na classificação geral da Super Elite Feminina. Mas, tive que abandonar a prova no terceiro e último dia por problemas mecânicos”, revelou.

Mesmo com resultado final fora do esperado e se recuperando de dengue, a atleta e treinadora comemorou sua evolução no esporte e a adesão do público feminino às disputas. “O crescimento da participação feminina me surpreendeu. Durante a prova, passou um filme na minha cabeça, desses meus 23 anos de carreira. A primeira vez que corri em Araxá, largamos em seis meninas. Dessa vez, foram 36 competidoras, o que mostra como nossa categoria vem crescendo e conquistando espaço e respeito”.

Próximas etapas

O calendário 2016 da Copa Internacional de Mountain Bike ainda é composto por tradicionais desafios no Triângulo Mineiro e na região Metropolitana de Belo Horizonte. A cidade de São João del-Rei é o próximo destino dos atletas, com disputas nas categorias XCE (Eliminator) e XCO (cross country), de 13 a 15 de maio. Já a final da temporada acontece em Congonhas, com provas XCM (maratona), entre os dias 4 e 6 de novembro.

Clique AQUI para conferir os resultados da CIMTB Araxá 2016.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *