Férias x Corrida

férias x corrida - rep fitxtips

Imagem: Reprodução / Fits & Tips

É época de férias. Para alguns, é o momento de parar tudo o que está fazendo e dedicar esse tempo extra para viajar com parentes ou amigos. Muita gente tira estes dias longe de casa e do trabalho para dar um ‘basta’ total na corrida e retomar a rotina na volta. Mas, para outros, não é bem isso que acontece. Por mais difícil que seja manter a regularidade habitual dos treinos nesses dias de férias, é difícil alguém simplesmente deixar seu tênis de lado. Quase todos preferem colocar o tênis de corrida na mala e rezar para que seja possível dar uma corridinha entre um passeio e outro.

Dependendo do local escolhido para as férias, ou mesmo da programação a ser cumprida com a família, manter os treinos pode parecer praticamente impossível. Mas, se você pretende não deixar de correr nas férias, o melhor a fazer é programar tudo com antecedência. Não parar por completo é muito importante. A maioria dos estudos mostra que as principais perdas de condicionamento aparecem entre a segunda e a quarta semana de destreinamento, podendo até retornar aos níveis de um sedentário após alguns meses de inatividade, mesmo que você tenha sido um superatleta durante anos.

férias x corrida - rep corre mulherada

Imagem: Reprodução / blog Corre Mulherada

Se parar por completo, em duas a quatro semanas, há uma redução significativa do consumo máximo de oxigênio (VO2máx) e um aumento da frequência cardíaca, além da diminuição de até 36% do fluxo sanguíneo para a musculatura das pernas. Contudo, não faça da corrida uma obrigação, e sim um prazer. Lembre-se: você está de férias! Então, a ideia é relaxar. Experimente outros lugares e outras atividades, e acione músculos diferentes. Alugue uma bicicleta, faça caminhadas, jogue tênis, vôlei, nade. Todas as atividades queimam calorias e mantêm os músculos trabalhando – e você ainda vai dar ao seu corpo o descanso da corrida.

Treinar pesado nas férias é contraditório. Descanse o corpo e relaxe a mente. Entretanto, se você não consegue ficar sem correr, dois a três treinos semanais, em ritmo leve a moderado, e cada um com metade da distância de um longão, bastam para manter o condicionamento sem atrapalhar o lazer e o descanso.

Ainda que a corrida seja importante para você, se estiver em férias com a família, é importante equilibrar as coisas e poder curtir o lugar ao lado das pessoas queridas. Portanto, não deixe que a corrida seja um fator de estresse na viagem, afinal, há outras pessoas envolvidas e dosar o lazer com a corrida é, com certeza, a melhor forma para que todos tenham dias de férias felizes.

Vamos nos cuidar. Relaxar e descansar também são saúde!

Prof. Pedro Paulo Duarte Souza
Especialista em Treinamento Esportivo pela UFMG
CREF 008002-G/MG, Tel:  (32) 9982-9309
personal.pedro.paulo@gmail.com
* Fontes: Livro Drauzio Varella – Correr: o exercício, a cidade e o desafio da maratona
(Ed. Companhia das Letras, maio 2015), e Revista digital Runners World
** Imagem de capa: Reprodução / blog Clube de Corrida 12Km

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *