Ginastas do Clube Bom Pastor se preparam para o Mineiro Escolar

*Reportagem: Priscila Oliveira

Com tradição na ginástica de trampolim, os atletas do Clube Bom Pastor se preparam para mais um desafio: o Campeonato Mineiro Escolar, que será realizado nos dias 5 e 6 de julho, em Itabira, na região metropolitana de Belo Horizonte. Ao todo, 13 ginastas locais se dividirão em quatro categorias, coordenados pelo treinador Deber Zambelli. A novidade é que todos vão participar de uma competição pela primeira vez.

Estreantes em competições e divididos em quatro categorias, 13 atletas fazem contagem regressiva para representar Juiz de Fora em Itabira (Foto: Divulgação)

Laura Paro, Manuela Corrêa e João Victor Cândido disputam a categoria Mirim, enquanto Júlia Alves, Ana Júlia Pires, Ísis Moraes e Millena Cunha encaram a Pré-infantil. Na Infantil estarão Sofia Sagioro, Analu Moraes, Lara Magalhães e Ana Carolina Quincas, ao mesmo tempo em que Sofia Tolentino e Maria Clara Sales participam da categoria Aberta, para maiores de 13 anos.

Ajustes finais

Há 25 anos treinando ginastas, Deber destaca a empolgação dos atletas com as disputas. “Eles estão animadíssimos e ansiosos pela data, porque iremos 1 dia antes para o treinamento no local. Já estamos treinando forte para essa competição há três meses e agora só falta ajustar pequenos detalhes. Teremos outros quatro treinos até lá”, ressalta.

Para ele, a motivação de alcançar bodas de prata com a modalidade se resume a duas coisas: “não querer que o Trampolim acabe e que ele seja difundido em todos os estados do Brasil – não só em Minas Gerais, São Paulo ou Rio de Janeiro”. O treinador se orgulha por já ter formado inúmeras gerações de ginastas. “Tenho cerca de 140 atletas no Clube Bom Pastor, além dos atletas locais que estão em outras instituições. Acho que são mais de 500 ginastas em Juiz de Fora, sendo que eu aceito crianças a partir de 4 anos e não tem limite de idade – é possível praticar até os 50 anos”.

Contando os dias para os desafios, o grupo está confiante. “Apesar de irmos com equipes iniciantes, é só manter o treinamento e a disciplina. Nossas expectativas são as melhores possíveis e é importante lembrar que disputaremos o campeonato com feras de Ouro Preto, Itabira, Itabirito, Contagem e do Minas Tênis Clube. O Bom Pastor será o único representante de Juiz de Fora. A pressão aumenta, mas já estamos acostumados”, enfatiza.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *