JF NO CARIOCA DE CORRIDA DE MONTANHA: Atletas já estão prontos para o desafio de Maricá

Após treinos intensos, Eloiso André, Evandro Chicanele e Luiz Bastos querem chegar ao pódio neste domingo, 09

Outras seis etapas estão programadas até o final do ano (Foto: Divulgação)

Outras seis etapas estão programadas até o final do ano (Foto: Divulgação)

O município de Maricá, na Região dos Lagos, é o destino dos atletas Eloiso André (Academia Higéia), Evandro Chicanele (Viva Sport Club) e Luiz Bastos neste domingo, 09. Após manter treinos intensos nas últimas semanas, inclusive durante o carnaval, os representantes de Juiz de Fora disputam a categoria Longo Masculino na segunda etapa do Campeonato Carioca de Corridas de Montanha, que começa às 8h, no Sítio do Riacho, e promete grandes desafios em meio às cachoeiras, cursos d’água, cascatas e trilhas da região do Espraiado – Centro de Preservação da Natureza.

Dessa vez, aproveitando a área de vegetação e as espécies animais da Mata Atlântica, a organização faz referência à himalaia Machupechare 6.993m.

Clique AQUI para acompanhar as corridas de montanha em 2014.

Eloiso André (Foto: arquivo Eloiso André)

Eloiso André (Foto: arquivo Eloiso André)

Experiente no Rio

Correndo há seis anos e com experiência em cross country, o juizforano Eloiso André conta que já participou de outras provas no estado do Rio de Janeiro, como a 21K de Arraial do Cabo e a Maratona de Búzios, mas essa é sua primeira vez no Carioca. Ele estréia na faixa 40 anos, considerada uma das mais disputadas.

“Adoro correr em meio à natureza e essa dificuldade que ouço dizer sobre as corridas de montanha tem me atraído muito. Só não quero quebrar no meio da prova, estarei satisfeito se completar num bom tempo. Espero não fazer feio. Subir ao pódio pode ser consequência de uma boa corrida e um bom dia”.

Evandro Chicanele (Foto: arquivo Evandro Chicanele)

Evandro Chicanele (Foto: arquivo Evandro Chicanele)

Para sentir a prova

O atleta Evandro Chicanele nasceu em Belfort Roxo, na baixada fluminense, mas pratica esporte desde a adolescência. Apesar de ter começado no handebol, aos treze anos, descobriu a corrida na maioridade, para manter a forma e a saúde em dia, já morando em Juiz de Fora. Gosta das corridas de asfalto, mas quer experimentar as de montanha para decidir em qual continuar.

“Primeiro vou para sentir como é participar de uma corrida de trilha de verdade. A montanha é muito diferente do asfalto, porque tem ar puro, natureza, belas paisagens e o ponto mais forte: adrenalina. Você tem que ficar ligado direto por causa de buracos, galhos e arvores no meio do caminho. Vou continuar nos dois estilos até o Desafio da Serra, depois escolho um”.

Ele corre na faixa 30-34 anos, a mesma de Luiz Bastos. “Vou buscar a melhor posição possível, na cola dele, que corre muito bem. Quem sabe ele fica em primeiro e eu em segundo ou terceiro… Mas não vou ficar triste por não subir, vai ser meu primeiro teste”, completa Evandro.

Luiz Bastos (Foto: arquivo Luiz Bastos)

Luiz Bastos (Foto: arquivo Luiz Bastos)

Querendo o bi

O amigo, que venceu a primeira etapa do Carioca este ano, em Penedo, retribui a demonstração de parceria. “Vamos subir no pódio os dois. Não sei a colocação, mas vamos. O Evandro corre muito bem e vou puxá-lo comigo, porque ele é bom. Como a organização não liberou a altimetria, fica um pouco complicado traçar qualquer estratégia. Porém, já sei o tipo de percurso que eles podem preparar e vou correr mais solto um pouco. Quero ganhar na categoria de novo e somar pontos para o circuito”, conclui Luiz.

Até dezembro

As próximas etapas do Campeonato Carioca de Corridas de Montanha acontecem nas cidades de Petrópolis (06/04), Teresópolis (18/05), Nova Friburgo (15/06), Maromba (14/09) e Sana (16/11). A grande final está marcada para o dia 14 de dezembro, em Paraty.

 

 

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *