Nutrição esportiva para queimar ‘gordurinhas’

É inegável que estamos passando por um momento muito bom no que diz respeito à prática de atividade física e alimentação saudável. Muita gente, que há alguns anos não subia nem escadas, hoje corre maratonas! Mas, até o ultramaratonista, o corredor de montanha e o ironman também foram iniciantes um dia e precisaram se alimentar corretamente para atingir seus objetivos. Confira como deve ser sua alimentação para abaixar aquele peso extra e render mais no esporte.

A princípio, restrição calórica e rendimento são coisas opostas. De fato, é muito complicado obter resultados expressivos em rendimento (leia-se aumento de velocidade, força ou redução do pace) se você se alimenta menos do que seu corpo precisa – e é por isso que sempre trabalhamos com objetivos. Qual é o seu objetivo?

Tudo na vida é investimento, seja você um atleta profissional buscando medalha ou um praticante de atividade física atrás de qualidade de vida. Para todos os casos, podemos potencializar seu objetivo com uma alimentação correta. Então, no caso, de queimar aquele ‘pneuzinho’ sobressalente, o que fazer?

nutrição x gordurinhas - getty imags rep m de mulher

Imagem: Getty Images / Rep. MdeMulher

1. Primeiro, o óbvio: COMA MENOS!  É comprovado que hoje comemos muito mais do que necessitamos. Seja comendo bem ou mal, quase sempre excedemos o conforto metabólico e, para isso, acabamos aumentando a carga de exercícios como forma de compensar o exagero. Um nutricionista ou profissional de educação física é capaz de quantificar quanto você gasta por dia em atividades cotidianas  e treinos. Uma vez sabido seu gasto calórico diário, é aí que começa a brincadeira.

2. Caloria não é tudo. As calorias que consumimos e que gastamos são apenas uma forma de quantificar a energia presente em cada alimento e gasta em cada atividade, mas essas mesmas calorias tem diversas fontes e cada fonte gera consequências totalmente diferentes uma da outra.

3. Gordura não engorda. Opa, como assim, Nutri?! Essa é boa… E é isso mesmo! A cada dia que passa, mais estudos confirmam que as gorduras são mais ‘boazinhas’ do que se pensa. Portanto, não é necessário, tampouco saudável, tentar cortar toda a gordura da sua alimentação. O excesso dela pode ser um complicador, assim como o excesso de qualquer nutriente que ingerimos (sal, açúcar, proteínas, cálcio – todo excesso é prejudicial).

Ok, ok… Mas, o que faço então para ficar com aquele shape ‘musa/muso’?

nutrição x gordurinhas - rep dona giraffa

Imagem: Reprodução / Dona Giraffa

- Se alimente com a cabeça e não com os olhos. É fundamental que tenhamos uma alimentação equilibrada para perdermos gordura corporal. Se deixar render pelas ‘tentações’, certamente vai atrasar seu resultado;

- Reduza parcialmente a ingestão de pães, arroz, batatas, macarrão e FRUTAS (acredite se quiser) ao longo do dia (carboidratos) – salvo antes de treinos muito intensos ou longos;

- Sempre prefira carboidratos complexos, como batata doce, mandioca, inhame, macarrão integral, pães 100% integrais etc.;

- Adicione  fontes de proteínas em todas as refeições do dia. Exemplo: peito de frango desfiado ou não, queijo cottage, ricota, proteína de soja, atum e sardinha;

- Mantenha seu metabolismo mais ativo usando alimentos termogênicos, como gengibre, canela, pimentas e chá verde. Podem ser usados na forma de chá (sem açúcar, hein?!), na composição do seu suco funcional ou mesmo para temperar preparações. O segredo é ser criativa (o)!

- Acerte as refeições pré e pós-atividade física; elas não são mais importantes do que as outras, mas podem ser o ajuste que está impedindo seu progresso.

nutrição x gordurinhas - rep rota saudável

Imagem: Reprodução / Rota Saudável

- Treine de forma correta. O estímulo do treino é tão importante quanto se alimentar corretamente. Achou seu treino tranquilo? Converse com seu treinador, pois já pode estar na hora de mudar…

- Seja persistente! Nenhuma conduta mirabolante de 15 dias é capaz de fazer mágica. O sucesso vem com disciplina e empenho.

Procure um bom treinador e um Nutricionista esportivo para adequar sua alimentação de acordo com sua individualidade e rotina de treinos.

No próximo artigo, falaremos de alguns mitos e verdades relacionados à nutrição esportiva e redução de gordura. Não perca!

Henrique Casal
Nutricionista – CRN9 16447
Contatos: hacasal@gmail.com / (32) 99955 -1788
Instagram: @nutricionista.henriquecasal
* Foto de capa: Reprodução/Slim Consultoria

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *