Robison Gomes e Amanda Oliveira comemoram 2ª Corrida ADJF. Resultados extraoficiais são divulgados

* Priscila Oliveira; Foto de capa: Hugo Keyler

Sucesso. Essa provavelmente é a melhor palavra para definir a Corrida ADJF, que teve sua segunda edição realizada neste domingo, 03, em Juiz de Fora. Válida como oitava das quatorze etapas deste 30º Ranking, a prova movimentou cerca de 900 participantes em 6,3km de corrida (percurso oficial) e 3km de caminhada, com largada e chegada em frente ao ginásio do Clube Tupynambás.

masc pódio

Robison Gomes no topo do pódio masculino. Segundo ele, seu ‘melhor resultado nas corridas de rua até hoje’ (Foto: Hugo Keyler)

Vitória estratégica

Dessa vez, o grande nome do circuito foi o juiz-forano Robison Gomes, jovem atleta do CRIA UFJF que estreou com a camisa da equipe Vem Correr e venceu o trajeto aos 18min33s. “Venho de Campeonato Brasileiro, onde fui vice-campeão Sub-20 recentemente. Tentei me resguardar ao máximo nestes dias, porque estou fazendo treinos mais regenerativos. Estou rápido e, como fiquei ‘descansando’, cheguei na prova melhor. Dentro da corrida, minha estratégia foi usar o que tenho como atleta: ser rápido no final. Sabia que isso era um fator que me ajudaria. Na passagem do quarto para o quinto quilômetro, comecei a correr junto com o Eberth Silva (campeão da ADJF em 2015, com  18min45s, e vice este ano, aos 18min44). Ele é um atleta muito bom, bem mais experiente do que eu, mas consegui decidir a disputa no final”, destacou.

Para Robison, cujas competições são mais voltadas para provas de pista, essa vitória iniciou com o pé direito sua nova jornada no Ranking. “A partir de agora vou correr todas as etapas. Nunca uma disputa é como um treino, porque a intenção é sempre chegar em 1º lugar. Tenho isso comigo. Mesmo que não ganhe, minha intenção maior é vencer. Entre outros resultados, sou recordista menor, vice-campeão Brasileiro nos 5.000m e nos 10.000m  (melhorei o tempo nas duas provas, em Porto Alegre – RS). De corrida de rua, a ADJF foi minha melhor prova até hoje”.

fem pódio

Aline Oliveira (campeã) e Aline Barbosa (vice) fizeram nova ‘dobradinha’ no pódio. Parceria nos treinos e bons resultados (Foto: Hugo Keyler)

Bicampeã em nova ‘dobradinha’

Já no feminino, Amanda Oliveira (Fac. Granbery/Ed. Física) manteve a invencibilidade, sagrando-se bicampeã do percurso com 23min29s de prova. “A Corrida ADJF, em si, é muito boa e organizada. Curta e plana, do jeito que eu gosto. Vim com garra para conquistar o primeiro lugar, mas sempre com consciência de completar o trajeto, porque as adversárias são muito boas. Fiz meu melhor, como sempre. Quero melhorar ainda mais nos treinos para correr fora de Juiz de Fora também. Preciso aproveitar oportunidades de fazer corridas além do Ranking, principalmente com premiação em dinheiro”, enfatizou a atual campeã do Ranking.

De volta ao topo do pódio com direito à dobradinha com a colega de equipe Aline Barbosa (vice-campeã da prova, 23min50s), a representante de Mercês fez questão de comemorar essa parceria, que tem dado frutos cada vez mais significativos. “Como ela é minha amiga de treino, não importa quem fique em 1º ou 2º. Ela está correndo muito. Nós duas queremos ganhar, mas o que importa é a amizade. A Aline é uma pessoa muito boa, que me ajuda muito”.

Premiação em dose dupla

No geral masculino, Flávio Stumpf (R21 Sports/Pódio das Frutas) garantiu a terceira colocação, enquanto Jocemar Corrêa  e Felipe Henrique Fernandes levaram a equipe Viva Chacarense aos postos de 4º e 5º lugares, respectivamente. No feminino, completaram as cinco primeiras posições Aline Braga (Gemacom Tech/Tate Lyle, 3º), Claudete Nunes (R21 Sports/Pódio das Frutas, 4º) e Ivaniz Ribeiro (Viva Chacarense/Pódio das Frutas, 5º).  Por equipes, vitória de R21 Sports/Pódio das Frutas, seguida de Vem Correr e Viva Chacarense no masculino; e título de VidAtiva sob Gemacom Tech/Tate Lyle (2º) e Viva Chacarense (3º) no feminino. ACJF/JF Paralímpico foi imbatível entre os grupos PCD (Pessoas com Deficiência) masculinos e femininos.

acjf

ACJF/JF Paralímpico: campeã masculina e feminina entre as equipes PCD nas corridas Running Music Show e ADJF (Foto: Hugo Keyler)

Na ocasião, ainda foram premiados os destaques da Running Music Show, realizada no último dia 04 de junho. Eberth Silva (VidAtiva/ Fripai/ Skechers) encabeçou o pódio masculino, acompanhado de Flávio Stumpf (R21 Sports/Pódio das Frutas, 2º), Jocemar Corrêa (Viva Chacarense, 3º), Felipe Henrique Fernandes (Viva Chacarense, 4º) e Antônio Gonçalves (R21 Sports/Pódio das Frutas/ Prefeitura de Piau/ Eterna Paz, 5º). Entre as mulheres, Amanda Oliveira (Fac. Granbery/Ed. Física) ficou com o título principal, enquanto Aline Barbosa (Fac. Granbery/Ed. Física) garantiu o vice mais uma vez – completaram a classificação Aline Braga (Gemacom Tech/Tate Lyle, 3º), Claudete Nunes (R21 Sports/Pódio das Frutas, 4º) e Viviany Anderson (Viva Chacarense, 5º). Também receberam troféus pela sétima etapa do Ranking as equipes Viva Chacarense (campeã masculina e feminina), R21 Sports/Pódio das Frutas (2º) e Vem Correr (3º) na pontuação masculina; VidAtiva e Fac. Granbery/Ed. Física em segundo e terceiro na feminina. Completando os pódios, ACJF/JF Paralímpico venceu nas equipes masculinas e femininas PCD. 

CLIQUE AQUI para acessar os resultados extraoficiais da 2ª Corrida ADJF. 

* A 2ª Corrida ADJF contou com apoio de mídia do Rumo Certo. **Qualquer dúvida sobre classificação deve ser enviada diretamente à Secretaria de Esporte e Lazer pelo e-mail rankingdecorridasjf@yahoo.com.br.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *