2º Pedal Solidário vai arrecadar mais de 1,5 tonelada de alimentos para três instituições da cidade

*Reportagem: Priscila Oliveira

Iniciativa que reuniu mais de 400 ciclistas, com percurso de 15km a partir da praça do Manoel Honório, e arrecadou meia tonelada de alimentos não-perecíveis para o Instituto Vitória, no ano passado, o Pedal Solidário chega à segunda edição neste domingo, 15, com várias novidades e o objetivo principal de manter a ajuda ao próximo. Dessa vez, o evento atinge o recorde de 800 participantes, num passeio ciclístico que terá concentração no Parque de Exposições, trajetos de 28km na Rota MTB e de 1km na Rota Kids, e a expressiva marca de 1 tonelada e meia de alimentos não-perecíveis, que serão destinados não só ao Instituto Vitória, mas também ao Educandário Carlos Chagas e ao Abrigo Santa Helena.

Sucesso no ano passado, o evento vai reunir 800 ciclistas neste domingo, com concentração no Parque de Exposições e largada às 9h30 (Foto: Divulgação)

A programação começa às 7h, com a abertura dos portões, seguida de credenciamento para entrega de pulseiras e recolhimento das doações, a partir de 7h30, e pedal infantil, às 8h. Às 9h começa o sorteio de brindes e, às 9h30, o pedal principal, com sentido à Barreira do Triunfo e retorno pela estrada da Remonta. O cronograma ainda conta exposição de bicicletas antigas, food trucks, show de rock, estandes de parceiros, novos sorteios de brindes e gincana, com encerramento previsto para as 15h.

“Essa ideia surgiu quando decidimos fazer um pedal para arrecadar fundos para o grupo, mas achamos melhor ajudar uma instituição, e encontramos o Instituto Vitória, que precisava de alimentos. A partir daí, decidimos fazer o Pedal Solidário, porque vimos que foi fácil reunir um número grande de pessoas para ajudar”, explica um dos administradores do Loucos por Pedal, responsável pelo evento.

Segundo ele, o sucesso da primeira edição trouxe crescimento para o grupo, que viu a oportunidade de expandir a arrecadação para outras duas instituições filantrópicas da cidade. “Abrimos 500 inscrições, com kit, mas elas esgotaram e tivemos que abrir um segundo lote, sem kit. Porém, encerramos os cadastros ontem, com 800 inscritos. Não esperávamos esse número. Isso reflete o amadurecimento do Pedal Solidário e da equipe organizadora”.

A garotada vai marcar presença mais uma vez, num percurso Kids de 1km (Foto: Divulgação)

Livre acesso

Emerson ressalta que, apesar do encerramento dos cadastros, a participação do público é muito bem-vinda. “Todos estão convidados. As pessoas podem comparecer, fazer a doação (2kg de alimento não-perecível) e participar do pedal mesmo sem inscrição. A entrada é livre e o pedal também será”, salienta.

Pelo menos 17 equipes de mountain bike de toda a região já confirmaram presença, o que é motivo de gratidão para os anfitriões. “Fazemos questão de estar presentes no maior número de eventos possível. Por isso, os outros grupos fazem questão de estar nos nossos eventos também. Na verdade, o grupo é só uma camisa, porque ciclista é ciclista em qualquer parte do mundo – o que gosta de viajar, de corrida, de passear… Essa é uma oportunidade muito boa, porque a gente também aproveita para rever os amigos”.

CLIQUE AQUI para saber mais sobre o 2º Pedal Solidário.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *